História

Annarella Roura Sanchez, formada pela Escola Cubana de Ballet em Camaguey (Cuba) e especialista em Dança Clássica pelo Instituto de Arte Superior de Arte de Cuba, mudou-se para Leiria (Portugal) em fevereiro de 1996. Aí começou por dar aulas em escolas do município.

Em 1998, funda a Annarella Academia de Ballet e Dança, com instalações na Quinta do Bispo, onde começou a receber crianças a partir dos 3 anos de idade. A escola segue a metodologia da Escola Cubana de Ballet.

Aos 10 anos de fundação, a Annarella Academia de Ballet e Dança mudou de instalações, encontrando-se até ao dia de hoje na Gândara dos Olivais. A mudança realizou-se a fim de expandir o seu espaço para que os seus estudantes pudessem ter acesso a um ensino melhorado tanto em termos de qualidade de ensino como em condições. Começou com 3 salas, mas prontamente se foi expandindo, reunindo hoje 6 salas e estando a caminho da sétima.

Em 2015, com o objetivo de criar um centro de formação de Excelência de Dança e Ballet para que os seus alunos obtenham as capacidades técnicas e artísticas que lhes confiram uma aptidão real para serem profissionais na área da Dança em Portugal ou no estrangeiro, fundou o Conservatório Internacional de Ballet e Dança Annarella Sanchez.

No ano letivo 2018/2019 é-lhe concedido pelo Ministério da Educação a Autorização Definitiva de Funcionamento S/167/2019 enviada pela DGEstE Centro.

Os alunos do Conservatório estão entre os 10 e os 18 anos de idade e frequentam, de segunda a sexta, o ensino académico das 8h às 13h30 e o ensino artístico das 14h30 às 18h30. Aos sábados apenas o ensino artístico das 8h30 às 13h30 e das 14h30 às 17h30. O ensino artístico é composto pelas modalidades de Ballet Clássico, Pontas, Repertório, Contemporâneo, Danças de Carácter, Preparação Física, Flexibilidade, Música, Metodologia, História e Cultura das Artes, Expressão Criativa e Técnicas Teatrais.

O Conservatório Internacional de Ballet e Dança Annarella Sanchez já é uma instituição reconhecida em todo o mundo, tendo ganho vários prémios individuais e coletivos nas competições de dança mais prestigiadas, como Youth American Grand Prix (YAGP), onde arrecadou o prémio de “Outstanding School” em 2017, Dance World Cup, Domenico Modugno Ballet Competition (Bari, Itália), South Africa Internacional Ballet Competition, Shangai Internacional Ballet Competition, Ballet Beyond Borders (Montana, Missoula, EUA), Varna International Ballet Competition (Bulgária) e o Beijing International Ballet and Choreography Competition (China).

Dentro de todos os seus alunos destaca-se António Casalinho, vencedor global do YAGP com o Hope Award em 2015 e o Youth Grand Prix em 2016 e 2018, vencedor do programa Got Talent Portugal em 2017, vencedor de Varna Internacional Ballet Competition em 2018, vencedor do Grand Prix do Beijing International Ballet and Choreography Competition e convidado especial em galas dedicadas à Dança pelo mundo fora. Destacam-se ainda Margarita Fernandes, vencedora do Hope Award na edição de 2017 do YAGP Paris, semifinalista do Got Talent Portugal 2017 a par de João Gomes e conquistadora de pontuação máxima (100 pontos) em variação clássica em Sitges, Barcelona, na edição de 2018 do Dance World Cup a par da sua colega Margarida Gonçalves.